Um clipe que mostra a ativista climática Greta Thunberg dando a Donald Trump um olhar gelado se tornou viral, logo depois que a sueca de 16 anos disse às Nações Unidas que os líderes das gerações anteriores a ela roubaram sua infância e seus sonhos.

O vídeo de Thunberg mostra sua posição no lobby das Nações Unidas em Nova York, exatamente quando Trump chegou.

As câmeras capturaram o momento em que a expressão do garoto de 16 anos muda de uma ligeira curiosidade para o que parece uma raiva de aço enquanto o presidente americano passava.

Thunberg havia acabado de fazer um discurso nas Nações Unidas no qual pedia uma ação urgente sobre as mudanças climáticas.

"Como você ousa continuar a desviar o olhar e vir aqui dizendo que está fazendo o suficiente, quando as políticas e soluções necessárias ainda não estão à vista", disse ela às Nações Unidas.

Ela continuou: “Você diz que 'nos escuta' e que entende a urgência. Mas não importa o quão triste e com raiva eu ​​esteja, não quero acreditar nisso. Porque se você entendesse completamente a situação e continuasse a não agir, seria mal. E eu me recuso a acreditar nisso.

Trump, por sua vez, desafiou a idéia de que a mudança climática – que é apoiada pela grande maioria na comunidade científica, da qual o americano não é membro – existe, e zombou abertamente da idéia, em uma ocasião sugerindo que ela era uma farsa chinesa.

Desde que assumiu o cargo, Trump supervisionou um amplo esforço para destruir as políticas de seu antecessor, com o objetivo de diminuir a taxa de mudanças climáticas, inclusive facilitando as restrições às emissões de gases de efeito estufa e criando novos arrendamentos de petróleo e gás.

Esta matéria foi traduzida e republicada. Clique aqui para acessar o site original.